quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

DUDA E SEU PRIMEIRO ANINHO...

Meu amor,

Dia 09/01, fez um ano que você, apressadinha como a mamãe, resolveu vir ao mundo. Lembro-me como se fosse hoje, que era um sábado, estava completando 35 semanas e fui fazer um ultrassom às quatro da tarde. Eu amava fazer os ultrassons, porque era a única chance que tinha de ver sua "carinha". Neste ultra, a médica nos disse que estava tudo ótimo, liquido normal, tirou várias fotos suas, saímos de lá super tranquilos. Fomos jantar na casa de uns amigos, e, bem na madrugada - acho que você será baladeira- a bolsa estourou.

E você veio. Veio para mudar de vez as nossas vidas.

Derrubou um muro de concreto que vivia há alguns bons anos em torno do seu pai, tirou momentaneamente todo o medo que ele tem de sangue, o fez MAIS companheiro da mamãe, cúmplice e amigo. É tão vivo na minha memória, quando ainda estávamos no hospital, e ele dormia lá comigo, cada vez que as enfermeiras vinham me acordar, ele me dava um beijo e dizia: "Vai lá bebeh, se pudesse te ajudaria nisso". Ele não podia te dar o "mama"minha filha, mas ele te deu banho, trocou suas fraldas, levantou de madrugada para cuidar de você, e, quando mamãe estava muito cansada, dava seu leite na mamadeira pra você dormir.

Em mim, você despertou o instinto de leoa, que faz tudo pela sua cria. Despertou qualidades na mamãe que eu nem sabia que existiam. Me fez mais paciente, mais organizada, mais consciente. Me fez enxergar o quanto eu ainda preciso melhorar como ser humano para te dar uma boa educação, uma boa formação. Me fez enxergar alguns "defeitos" que quero mudar antes que você cresça. Não quero ser a mãe perfeita, mas quero ser a melhor que eu puder.

A melhor escolha que fizemos, sem dúvida, foi não ter uma babá. Hoje sabemos reconhecer cada choro seu, cada gesto. Sabemos que quando você pega seu paninho, coça a orelha e faz um "auto- cafuné", é porque está com sono; que quando vê seu pratinho laranja na cozinha e chora, é porque está com fome; que quando estende os dois bracinhos pra cima, é porque quer nosso colo; que quando chora dando aqueles gritos estridentes é porque está lutando contra o sono; que adora engatar a "primeira" e sair engatinhando que nem uma doida atrás de nós... Sabemos o dia que nasceu seu primeiro dentinho, quando você esboçou engatinhar pela primeira vez, quando deu seus primeiros passos segurando nas nossas mãos. Você fica horas vendo a roupa girar na secadora, é encantada com celular, adora bater o talher na tigela de por gelatina. Faz uma verdadeira bagunça com os dvds na sal. A graça e tirar todos eles da prateleira e jogá-los pro alto... Você amaaaa brincar de "se joga"com o papai... Só precisa aprender, meu amor, que essa brincadeira, é só quando está com ele, porque agora você quer se jogar em qualquer lugar, e, por conta disso, já bateu a cabeça no chão algumas boas vezes rsrsrsrs. Você bebe muita água, come de tudo , faz sucesso na feira, não estranha as pessoas. Adora dormir com a musica da borboletinha, e agora só dorme de bumbum pra cima - juro que queria saber como você consegue essa proeza. Anda fixada por tomadas, gavetas e pelo Nick.

Aliás, o Nick é um capítulo a parte na sua vida. Primeiro vocês não se davam conta da existência um do outro. Depois, rolou uma indiferença mútua, mas agora, você está apaixonada por ele e ele nem aí pra você. Acho que ele não gosta muito quando você enfia o dedo no olho dele toda vez que chega perto. Mas isso vai passar. Já ensinamos a você como faz carinho e você rapidamente aprendeu... Torço pra que você seja muito carinhosa!

Seu pai, esses dias, deu a melhor definição do que é o amor que sentimos por você. Ele disse: "O que eu senti até hoje, foi um espasmo de amor. Por ela, é amor de verdade". Jamais poderíamos ter passado nesta vida sem ter você.

Feliz aniversário, Pituca. Que deus te conserve sempre alegre, com esse sorrisão no rosto, e nos dê muita saúde pra te guiar pelo melhor caminho.

Amamos você,

Papai e Mamãe



5 comentários:

  1. Parabéns pra Duda para os papais dela!
    Bjs
    Jacke

    ResponderExcluir
  2. Feliz aniversário, Duda! Feliz maternidade e paternidade mamãe e papai!

    ResponderExcluir
  3. Duda minha linda.
    Faz um ano que levei o maior susto da minha vida. Eram duas e meia da madrugada do dia 9 de janeiro, um domingo, quando acordei com o telefone tocando. Do outro lado da linha, a voz assustada do seu pai me dizendo "SUA NETA ESTÁ NASCENDO". Como nascendo??? Ainda não está na hora!!! E sua mãe chorando e pedindo "Vem logo, mãe, vem logo!..."
    Ô Dudinha, que susto!!! Imagine tudo isso acontecendo em Sâo Paulo e a vovó aqui em Brasília,a mil quilômetros de distância!...
    Só me acalmei no final da tarde do dia seguinte, quando cheguei ao hospital e vi aquela coisica tão pequenina, tão linda, tão perfeita, com aquela boquinha de Angelina Jolie... Meu amor, você foi o maior presente que Deus nos deu, o mais valioso, a pedra preciosa cuja guarda Ele nos confiou!
    Passei os dois primeiros meses da sua vida aí, acompanhando de perto e dividindo com seus pais a angústia dos choros ainda não identificados, das primeiras cólicas, a dor das primeiras vacinas (aquelas injeções que doem na alma da gente!) e também a alegria dos progressos diários, das primeiras descobertas (aquela perna direita que já chutava em sinal de protesto...), dos primeiros esboços de sorriso... Comemoramos juntos, com bolinho e tudo, os seus dois primeiros "mensários"; e sua mãe registrando tudo para que um dia você possa reviver as emoções do seu comecinho de vida.
    Deus tem permitido que a nossa convivência seja bem frequente. Peço muito a Ele para continuar assim, para que a vovó, apesar da distância, seja sempre um pessoa presente na sua retina, na sua memória e no seu coração.
    Você está sendo o meu recomeço de vida, a motivação para deixar para trás idade, cansaço, limitações e descobrir novas fontes de disposição, energia e alegria de viver.
    Ainda vamos nos tornar grandes amigas, você vai ver. Uma amiga diferente, mais calma, menos agitada, mas em cuja companhia você vai encontrar sempre muito carinho, conforto, apoio e segurança.
    Meus parabéns mais uma vez, meu amor, pois no dia 9 eu estava aí e lhe dei muitos beijos. Que Deus lhe dê uma centena de anos de pura alegria, felicidade e realizações.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns TRIO!
    Familia linda.
    Beijos
    Colucci

    ResponderExcluir
  5. Bem , vai que vc passe pelo blog hj: PARABÉNS PELO DIA DAS MÃES!!

    ResponderExcluir